Não sou capaz de opinar #5: Território Lovecraft - Matt Ruff


Nas minhas andanças de dar uma variada nos gêneros que leio, acabei chegando em Território Lovecraft. Com o fato que logo vai sair uma adaptação dele na HBO, subi na lista de leitura. Bem.. se ele está aparecendo aqui é porque não foi tudo mil maravilhas.

O que ninguém conta é que o livro são divididos em oito contos que se interligam nos personagens e uma história de fundo; história essa que é apresentada no primeiro conto e é basicamente o que aparece na sinopse.

Como todo livro de contos, nem sempre todos vão agradar e isso é um fato. Realmente teve uns dois contos que eu realmente não curti - sendo o primeiro o principal deles. Uns outros dois que mais pareciam aqueles episódios fillers em série. E pra não dizer que sou chata, teve um que eu realmente adorei e me diverti bastante.


Creio que o problema com o livro foi justamente esse formato. Não me levem à mal; amo contos, mas acho que nesse caso aqui era muita informação a ser absorvida, fora que alguns detalhes se enredavam com a história principal que liga todos os contos que é necessário prestar bastante atenção.

Outro ponto foi a escrita do autor. Apesar de conter várias e várias referências a clássicos do terror e mostrar cruelmente o racismo nos anos 50, em certos momentos a leitura ficou muito enfadonha e cansativa,

No geral não foi uma leitura tão ruim assim, mas como diz o nome da coluna: não sou capaz de muito opinar. A nota final ficou 3 estrelas e ainda continuo ansiosa pela estreia da série.

Título: Território Lovecraft
Título Original: Lovecraft Country
Autor: Matt Ruff
Série: ---
Páginas: 352
Ano: 2020
Editora: Intrínseca
Sinopse: Uma jornada fantástica e assustadora, adaptada para virar série na HBO com produção do diretor de Corra!, Jordan Peele, e J.J. Abrams
Nos Estados Unidos segregados da década de 1950, Atticus é um rapaz negro, veterano da Guerra da Coreia, fã de H. P. Lovecraft e outros escritores de pulp fiction. Ao descobrir que o pai desapareceu, ele volta à cidade natal para, com o tio e a amiga, partir em uma missão de resgate. Na viagem até a mansão do herdeiro da propriedade que mantinha um dos ancestrais de Atticus escravizado, o grupo enfrentará sociedades secretas, rituais sanguinolentos e o preconceito de todos os dias.
Ao chegar, Atticus encontra seu pai acorrentado, mantido prisioneiro por uma confraria secreta, que orquestra um ritual cujo personagem principal é o próprio Atticus. A única esperança de salvação do jovem, no entanto, pode ser a semente de sua destruição — e de toda a sua família.
E esta é apenas a primeira parada de uma jornada impressionante. Estruturado ao mesmo tempo como uma coletânea de contos e um romance, Território Lovecraft apresenta, além de personagens memoráveis, elementos sobrenaturais, como casas assombradas e portais para outras realidades, objetos enfeitiçados e livros mágicos.
Um retrato caleidoscópico do racismo — o fantasma que até hoje assombra o mundo —, a obra de Matt Ruff une ficção histórica e pulp noir ao horror e à fantasia de Lovecraft para explorar os terrores da época de segregação racial nos Estados Unidos.



7 Comentários

  1. Oi Lu! Não é o tipo de livro que eu leria agora, na verdade, prefiro esperar a série e ver se me conquista. O que achei bacana foi a edição, achei ela bem bonita. Boa semana! Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  2. Oi Lu,
    Fiquei com bastante vontade de ler esse livro, já que está tendo bastante divulgação e por conta da série também. Mas não sabia que se tratava de um livro de contos, não que eu não goste, mas esperava que fosse uma história única. Porém, acho que se algum dia tiver a oportunidade eu leria, já que gosto dessa atmosfera fantástica.
    Bjssss

    Helo
    https://pensamentossoavento.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi, Lu! Tudo bom?
    Eu quero muito ler mas ao mesmo tempo a curiosidade não é tanta pra isso no momento?? Vou conferir a adaptação e se gostar MUITO ai procuro ele. Não sabia desse esquema dos contos, mas bom saber pra ir com expectativa diferente.

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Lu, eu tenho bastante curiosidade em ler essa obra, mas vou alinhar aqui as expectativas!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. O livro aborda temas importantes, que achei bem interessantes dentro da trama. Mas acabei não gostando tanto pela narração, e isso deixou a leitura bem arrastada em alguns momentos. Também gostei das referências, mas houve momentos em que as explicações não entraram na minha mente kkk.

    Beijos..

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  6. Olá...
    Gostei de acompanhar suas impressões a respeito da leitura, porém, não é uma leitura que me desperta o interesse, pois, não curto muito o gênero a qual ela se encaixa... Sendo assim, prefiro passar a dica.
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá!!
    Não conhecia o livro, acredita? Eu super entendo sua opinião, também amo contos, mas há alguns que vamos amar, outros nem tanto.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)