Resenha #552: To Kill A Kingdom - Alexandra Christo (Feiwel & Friends)

Título: To Kill a Kingdom
Título Original: ---
Autor: Alexandra Christo
Série: ---
Páginas: 352
Ano: 2018
Editora: Feiwel and Friends
Sinopse*: A princesa Lira é a realeza das sirenas e a mais letal de todas. Com o coração de dezessete príncipes em sua coleção, ela é reverenciada através do mar. Até que uma reviravolta do destino a força a matar um dos seus. Para punir a filha, a rainha do mar transforma Lira na única coisa que eles mais detestam - uma humana. Roubada de sua música, Lira tem até o solstício de inverno para entregar o coração do príncipe Elian à rainha do mar ou permanecer humana para sempre.
O oceano é o único lugar que o príncipe Elian chama de lar, mesmo sendo o herdeiro do reino mais poderoso do mundo. Caçar sirenas é mais que um hobby desagradável - é o seu chamado. Quando ele resgata uma mulher que se afoga no oceano, ela é mais do que parece. Ela promete ajudá-lo a encontrar a chave para destruir toda as sereias para sempre - Mas ele pode confiar nela? E quantos acordos Elian terá que trocar para eliminar o maior inimigo da humanidade?


Minha última experiência com histórias que envolviam sereias foi aquela bomba da Darkside chamada A Pequena Sereia e o Reino das Ilusões (o que coube muito bem na história porque ali foi só ilusão). Por isso, quando me propus a ler To Kill a Kingdom estava com poucas expectativas e muito receosa que a experiência se repetisse. Ainda bem que algum ser superior ouviu as minhas preces e finalizei esse livro já querendo ler tudo novamente.

Lira é a filha da Rainha do Mar conhecida como A Maldição dos Príncipes, visto sua fama de colecionar corações de príncipes somente. Elian é filho do rei de Midas e famoso entre a terra e o mar por ser um caçador de sereias. Apesar de mundos distintos e povos inimigos, os seus caminhos se cruzam na busca de um artefato que pode mudar a vida dos humanos e sereias para sempre.

Lira e Elian são parecidos em vários aspectos, principalmente no quesito dúvidas e ressentimentos em relação a serem herdeiros da coroa de seus reinos. Por mais que isso seja o esperado para eles e as expectativas que lhes são aguardadas, os dois também possuem seus próprios desejos do que desejam para o seu futuro. Enquanto Elian ainda quer continuar a viver no mar, Lira se questiona se realmente vai conseguir ser uma rainha melhor que sua mãe.

Lira tem toda uma fama de ser cruel, mas no fundo vemos que isso é o esperado já que é filha de quem é. Elian também tem a fama de ser um impetuoso pirata e caçador de sereias. Os dois são bastante destemidos, inteligentes, corajosos e com uma autoconfiança que beira achá-los um tanto prepotentes e arrogantes, mas no fundo são duas pessoas que querem ser mais do que lhes é esperado.


É certo que Elian e Lira só vão começar a interagir depois de uns 30% de livro, mas ainda assim não é difícil você começar a shippar os dois. Um verdadeiro enemies to lovers, a construção do relacionamento dos dois é bem feita. A dinâmica entre os dois é cheia de provocações e alfinetadas, o que torna bem divertida e interessante de acompanhar.

Os personagens secundários também são bem desenvolvidos. A Rainha do Mar, aqui sendo uma versão da Úrsula, é uma vilã sem escrúpulos e cruel, daquele jeito que amamos odiar. A tripulação de Saad, navio de Elian, é um grupo que você percebe a lealdade saltando de seus corpos em relação ao príncipe pirata. Dou destaque para Madrid e Kye. A ex-escrava e o filho diplomata também possuem uma dinâmica baseada em provocações e alfinetadas, mas com um sentimento bem forte.

O universo de Alexandra também é rico e bem construído. Adorei a diversificação da mitologia das sereias, que aqui é dividido entre sirenas e sereias. No caso as sirenas possuem características das sereias que estamos acostumados; metade mulher com uma cauda e uma voz encantadora. Já as sereias aqui são seres monstruosos, mais peixes do que humanos, como os sereianos da segunda prova do Torneio Tribruxo. Gostei também como a autora soube explorar um pouco de alguns reinos, além de Midas e Diávolos (reino das sereias), mesmo que brevemente mas você consegue visualizá-los. E com a escrita fluída da Alexandra, você se vê envolvido e devorando cada página.

Quanto mais se aproximava o confronto da verdade entre Lira e Elian e o final, eu realmente estava com medo como tudo iria finalizar. Adorei toda a ação final e as reviravoltas na história, me dando o final que eu merecia sim e nem sabia.

Dizer que gostei de To Kill a Kingdom é eufemismo. Eu ADOREI a história. De início fiquei bastante receosa pelo fato de ser livro único e com um pouco menos de 400 páginas, mas Alexandra soube muito bem utilizar cada espaço da história. Foi uma das poucas vezes que finalizei um livro único com o sentimento que nada ficou aberto e sem necessidade de uma continuação.

Recentemente descobri que os direitos de publicação do livro aqui no Brasil pertencem à Arqueiro desde 2019. Só nos resta esperar a editora lembrar que ele existe e publicá-lo.


* Sinopse traduzida por mim

12 Comentários

  1. Curto muito seus posts, são muito bem criativos e interessantes.. Sempre estou aqui lendo e compartilhando com minhas amigas...

    Beijos 😘.

    Meu Blog: Blog da Milena

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lu! Tudo bom?
    Ah eu tenho tanta vontade de ler esse livro! Saudades de ler alguma coisa com sereias e maldições e bruxas do mar, e por tudo que você falou - principalmente ENEMIES TO LOVERS!!! - quero demais. Aguardarei alguma promoção da Amazon para importados.

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Lu, tudo bem?

    Eu particularmente não curto muito histórias com sereias, mas fiquei curiosa com a premissa de To Kill a Kingdom. Gostei de saber que a autora construiu um enredo rico com bons personagens e que soube trabalhar bem a mitologia.

    Beijos;*
    Ariane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  4. Eu PRECISO desse livro, tô mega curiosa.
    Amo o teu blog, mas toda vez que venho adiciono mais um livro na minha lista, e olha que ela não tá pequena hahahha

    Beijinhos,
    oblogdarenatagomes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Já quero!! Eu tava querendo ler um livro de sereia que vi a Ivy resenhando, mas era outro, então já vou adicionar este a lista. Agora que tô lendo mais fantasia fico bem mais animada para começar! E já previ muita tensão entre esses dois, amo <3
    Beijo
    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oi
    não lembro de já ter lido histórias que envolviam sereias, que bom que não se decepcionou com essa historia e que adorou, parece ser uma história legal e com uma mitologia bem desenvolvida, suas resenhas de livros em inglês só me deixa com vontade de ler e torcer para algum chegar por aqui.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Gostei muito da resenha e tomara que saia em breve no Brasil, acho lindo quem consegue ler em diversos idiomas e compreender a história.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Agora me sinto no dever de ler esse livro kkkk. Eu gosto muito de sereias, mas não encontro livros bons sobre ela. Espero ler esse e gostar.

    Abraço

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  9. Oi Lu, mais um livro interessaste sem publicação no Brasil, tomara que a Arqueiro no demore a publicar!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  10. Olá...
    Adorei conferir suas impressões a respeito da leitura e confesso que me pareceu ser um livro bem legal... Pena que não tem publicação aqui no Brasil.
    Bjo

    http://coisasdediane.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Olá, Luiza.
    Minha ultima experiencia também foi com o da DarkSide, e que livro ruim. Mas também se for ver mesmo só uma vez que gostei de um livro com sereias, da Novo Conceito e nunca mais publicaram o resto da história. Achei a capa muito bonita e o enredo é bem interessante. Agora resta esperar que lembrem do livro e publiquem ele hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi Lu,
    Minha última experiencia com sereias foi com Rainha do Mar, gostei bastante da obra.
    Como gosto bastante de livros que tem seres mitológicos de cara gostei desse, e depois de ler a resenha fiquei com mais vontade ainda. Já vou adicionar na minha lista de desejados.

    Bjssss
    https://pensamentossoavento.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)