Resenha #502: A Página Em Chamas - Genevieve Cogman (Morro Branco)

Título: A Cidade das Máscaras
Título Original: The Masked City
Autor: Genevieve Cogman
Série: The Invisible Library #3
Páginas: 416
Ano: 2018
Editora: Morro Branco
Sinopse: A espiã bibliotecária Irene tem padrões profissionais a manter. Padrões que definitivamente não incluem fugas precipitadas de um prédio em chamas. Mas, quando a porta de entrada para seu centro de operações se recusa a abrir, é preciso improvisar.
Depois de fugir de uma França Revolucionária montada em um dragão, Irene descobre que não é a única enfrentando sérios problemas: em vários mundos, o mau funcionamento dos portais que levam à Biblioteca criou um verdadeiro caos.
Encarregados de uma missão que os levará ao Palácio de Inverno de São Petersburgo, Irene e Kai devem recuperar um livro que os ajudará a restaurar a ordem. Porém seu plano é posto à prova quando o poderoso Alberich reaparece disposto a destruir tudo o que é mais precioso para Irene, com uma proposta: “junte-se a mim ou morra”.
Mas o maior perigo pode estar espreitando em algum lugar próximo – alguém que Irene jamais pensaria que pudesse traí-la. Com tanta coisa em jogo, ela precisará de todos os recursos à sua disposição para manter-se viva. E, claro, salvar a Biblioteca da aniquilação absoluta.

 

ATENÇÃO! Se você não leu os livros e/ou as resenhas anteriores, pode conter spoiler

A Página em Chamas começa já de forma eletrizante, mostrando o que podemos esperar desse terceiro volume. E prometeu o que cumpriu.

Acho que já está ficando chato eu comentar toda vez o quanto admiro Irene. Ela tem um grande senso de lealdade, tanto para com a Biblioteca quanto em relação aos seus amigos. Além de ser bastante corajosa e sensata, ela sempre consegue manter a calma e a concentração, mesmo em momentos de puro desespero.

Um ponto que mais gosto na protagonista é o fato dela não baixar a cabeça para os homens. Já deu pra perceber que a Londres que ela está residindo atualmente, as mulheres não possuem tanto lugar de fala e muitas são tratadas de forma condescendente. Mas Irene ela se faz ouvir e respeitar, ainda mais por ser a pessoa com maior conhecimento sobre a Biblioteca.

Nesse volume, a Biblioteca está mais uma vez ameaçada por Alberich. Confesso que a falta de citação do vilão em A Cidade das Máscaras foi um ponto negativo, mas aqui isso é compensado. Ficamos sabendo sobre o seu grande plano em relação à Biblioteca e o que isso vai significar para todos que atuam nela. Já da parte da instituição, também vemos como seus superiores estão lidando com toda essa ameaça.

Além do pano de fundo londrino, dessa vez Irene e Kai são mandados para St. Petersburg, a fim de recuperar um livro super raro. Gostei muito como a autora soube conectar essa aparente missão para manter as aparências com a ameaça de Alberich, visto que Irene o confronta no meio de um baile realizado para a imperadora.


Alberich é um vilão um tanto caricato, com seu plano de vingança contra a Biblioteca, mas ele cumpre seu papel. Mesmo não estando sempre presente, sua ameaça está sempre ali rondando. Sua constante obsessão e interesse por Irene é um dos pontos altos e mistério da série. Eu já tenho as minhas teorias e espero que nos próximos livros a autora desenvolva isso.

Quanto aos secundários, já falei o quanto amo a amizade e companheirismo entre Kai e Irene. Sempre fica aquela questão de dúvida se eles algum dia irão se envolver romanticamente, mas o laço que os une é bem profundo. Como a própria Irene reflete e se admira do quanto ela pode contar com Kai para tudo, pelo pouco espaço de tempo que eles estão juntos.

Por conta da sua natureza, Kai em alguns momentos é super protetor em relação a Irene, mesmo ela sendo sua superior. Porém, percebemos que o interesse de Kai em relação à segurança de Irene é bastante genuíno; mesmo que não goste de algumas de suas ideias, em nenhum momento ele tenta obrigá-la ou comandá-la a obedecê-lo.

Além da ameaça de Alberich e essa missão de resgate literário, nossos dois bibliotecários ainda tem de lidar com o fato de alguém está querendo matá-los. Esse detalhe foi um pouco previsível, mas nem por isso deixei de temer por algo pior acontece com os dois.

Um personagem que também se destaca aqui é o detetive Peregrine Vale. Por conta da sua ajuda ao resgatar Kai no livro anterior, ele está sofrendo de uma espécie de infecção do Caos, o que faz com que Irene e Kai temam por sua vida e sanidade. Quando ele deu as caras lá em A Biblioteca Invisível, pensei que ele não seria de muita importância nos outros livros, mas ele se provou um grande amigo e uma ótima fonte de ajuda para Irene e Kai.

Assim como nos livros anteriores, A Página em Chamas termina com um bom gancho para sua continuação. Estou super ansiosa para conferir novas aventuras em A Trama Perdida.


Resenhas anteriores
Livro 1 - A Biblioteca Invisível (The Invisible Library)
Livro 2 - A Cidade das Máscaras (The Masked City)

9 Comentários

  1. Ainda não li o anterior, mas a vontade é grande. Ver que já tem outro volume lançado me animou bastante.

    Beijos

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lu! Tudo bom?
    Ainda não consegui ler essa série, mas ela tá na wishlist. Tem tudo que eu tenho certeza que vou amar - principalmente os personagens. Vou ver se rola de adquirir nessa quarentena.

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Oi Lu! Preciso adquirir os dois últimos volumes para iniciar a leitura. Pelo visto a trama melhora a cada volume, estou super animada para ler. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  4. Oi Lu, fico feliz em saber que a o terceiro volume é bom. Faz tempo que não leio fantasia, mas um dia voltando ao gênero, lerei a série!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Oiê ainda não conseguir lê mas, parece ótima. Beijos

    Segredosdamarii.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Gostei de conhecer a série, já dei uma olhadinha nas outras resenhas rs
    O livro me parece muito bom e parece que no final nos deixa ansiosos para pegar logo o próximo exemplar e ler.
    Beijocas.

    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi Lu, não conhecia os livros e a série e não sei se leria no momento, peguei para ler Corte de espinhos e rosas e pretendo ler alguns livros mais antigos da minha lista. Mas gostei de saber da sua opinião sobre a série.


    Beijos Mila
    https://dailyofbooks.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Uau, esse parece ser o LIVRO. Amei a história. Já anotei a dica! ❤

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)