Resenha #219: Sedução Ao Amanhecer - Lisa Kleypas (Arqueiro)

Share:
Título: Sedução Ao Amanhecer
Título Original: Seduce Me At Sunrise
Autor: Lisa Kleypas
Série: The Hathaways #2
Páginas: 256
Ano: 2013
Editora: Arqueiro
Sinopse: O cigano Kev Merripen é apaixonado pela bela e bem-educada Win Hathaway desde que a família dela o salvou da morte e o acolheu, quando era apenas um menino. Com o tempo, Kev se tornou um homem forte e atraente, mas ainda se recusa a assumir seus sentimentos por medo de que sua origem obscura e seus instintos selvagens prejudiquem a delicada Win. Ela tem a saúde fragilizada desde que contraiu escarlatina, num surto que varreu a cidade. Sua única chance de recuperação é ir à Franca, para um tratamento com o famoso e bem-sucedido Dr. Harrow.
Enquanto Win está fora, Kev se dedica a coordenar os trabalhos de reconstrução da propriedade da família, em Hampshire, transformando-se num respeitável administrador, mas também num homem ainda mais contido e severo. Anos depois, Win retorna, restabelecida, mais bonita do que nunca... e acompanhada por seu médico, um cavalheiro sedutor que demonstra um óbvio interesse por ela e desperta o ciúme arrebatado de Kev
Será que Win conseguirá enxergar por baixo da couraça de Kev o homem que um dia conheceu e tanto admirou? E será que o teimoso cigano terá coragem de confrontar um perigoso segredo do passado para não perder a mulher da sua vida?


Se você não leu os livros e/ou resenhas anteriores, não se preocupe
Essa resenha é livre de spoilers

Sedução Ao Amanhecer tinha tudo para ter uma boa história. Tinha do verbo poderia ter sido bem melhor…

Em Desejo À Meia-Noite, conhecemos Winnifred como uma moça de saúde frágil por conta da escarlatina. Decidida a não ser mais assim, Win - junto com Leo - passa uma temporada na França, recuperando sua saúde. Ao voltar, conhecemos a verdadeira Win, que é uma moça encantadora, determinada a fazer tudo (e mais um pouco) que lhe era “proibido” por causa da sua saúde e que sonha ter uma família. Além de que, ela volta decidida a ter Kev na sua vida por inteiro. Infelizmente, ela poderia ter escolhido uma pessoa melhor para ser seu marido.

Eu passei 99% do livro querendo arrastar a fuça de Kev no asfalto. Quando se tratava de Win, ele era daquele tipo de cara que (desculpa o linguajar) não caga, mas também não sai da moita. Veja só, o cara é doido varrido por ela, só que fica naquela de rejeitar a guria, mas é só outro cara mostrar o interesse pro cigano virar bicho. ODEIO ESSE TIPO DE ATITUDE. Mas segue o plot.. OK que ele é todo traumatizado pelo seu passado nada agradável, mas eu acho que autora exagerou um pouco em certas situações.


Felizmente essa raiva toda é compensada de outra forma. O que eu gostei na escrita da Lisa é o foco a mais que ela dá para os outros personagens, mas sem ofuscar o casal principal. Temos algumas partes da história focada em Amelia e Cam (agora casadíssimos) e também a introdução do futuro casal Leo e srta. Marks.

Falando em Leo, ele foi outro que voltou mudado da França e meu ódio por ele foi quase extinto, já que concentrei todo em Kev. O humor de Leo lembra muito o humor do Colin Brigderton. Agora que ele deixou de ser um decadente de marca maior, pode ser que consiga conquistar meu afeto. Ele, Dodger (furão de estimação da Beatrix) e a srta. Marks protagonizaram as melhores cenas desse livro #fato.

Não só de ódio eu vivi nesse livro. Apesar de desconfiar de alguns detalhes, queria saber mais sobre os dois ciganos. Nessa história também conhecemos a fundo o passado de Cam e Kev. Confesso que não me surpreendeu taaaaaaanto como falei, mas gostei como a autora desenvolveu tudo regado num bom drama.



Entre esse livro e o terceiro, foi lançado um conto chamado Casamento Hathaway. Esse conto narra o casamento de Kev e Win (o que não spoiler porque né…). Confesso que gostei mais do conto do que da história original propriamente dita. Em certos momentos, me lembrou muito Noiva Irresistível porque era cada situação levando para que esse casamento não saísse… Quem roubou a cena mesmo foi Beatrix, a mais nova dos Hathaways e a minha preferida.



Bom, Sedução Ao Amanhecer não foi dos melhores romances de época que li, mas não é nada que me impeça de continuar a série.


Resenhas anteriores
Livro 1 - Desejo À Meia-Noite (Mine Till Midnight)

15 comentários:

  1. Muito bacana a resenha, estou bem parada no quesito leitura :(

    Beijos

    Blog Lua Soares

    ResponderExcluir
  2. Oi!!! Pela sua resenha é um livro que não gera grandes emoções, mas que da para ser lido. Também odeio tanto na vida real como na literária homens que ficam nessa de não se declarar e se sentir no direito de ter ciúmes. Enfim, mas quero ler a série. Bjs <3

    Click Literário
    Sorteio no Instagram!

    ResponderExcluir
  3. Kev me irritou muito também, mas confesso que ele e Desejo à meia-noite são meus favoritos dessa série. Eu sou muito rancorosa, então mesmo agora o Leo ainda não caiu nas minhas graças hahah

    Jaci
    Pandora e sua Caixa

    ResponderExcluir
  4. Oi Lu,

    Estava com saudades de ler suas resenhas, elas são demais hehehe
    Se vc se irritou com Kev, acho que irei também.. :(
    Estou para ler está série também, mas nada desesperador, uma pena que não foi tão bom quanto vc esperava, mas isso pode sempre acontecer né!

    Beijos Mila
    Daily of Books

    ResponderExcluir
  5. Oie
    Esta foi a única série que não curti tanto, na verdade só li o primeiro e o enredo não me cativou, mas as capas são lindas.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Nunca li nada da autora, mas tenho muita curiosidade =)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  7. Olá, Luiza.
    Que pena que o livro não foi tão bom quanto você esperava que fosse. Eu tenho essa série inteira aqui na estante mas ainda não peguei para ler. Quem sabe leio ela no mês que vem que vou estar de molho hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  8. Ooi, Luuuuuu!
    Então, eu li o primeiro e amei, mas o segundo ainda está na minha estante.
    Jura que o Kev é um babacão?
    Assim como você tenho um ódio profundo pelo Leo, mas você dizer que ele tem um humor parecido com o Colin Bridgerton já melhorou um pouco a situação do rapaz comigo...
    E não, não é spoiler mesmo, porque é isso que se espera de um romance de época, final feliz. Se não fosse por isso, qual era a graça?
    Hahahaha.
    Pena que você não gostou tanto assim, mas a Lisa é maravilhosa, então a gente releva.

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com
    www.livrosdateca.com

    ResponderExcluir
  9. Oi Lu!
    EU tenho muita curiosidade em ler os livros dessa série. Pena que você passou por uns momentos de raiva/ódio kkkk
    Beijos

    www.lendoeapreciando.com

    ResponderExcluir
  10. Oie Lu =)

    Como não curti o primeiro livro dessa série, acabei desanimando de ler os demais =/
    Pretendo dar uma nova chance para a narrativa da Lisa, mas vou para a outra série dela lançada pela Arqueiro.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  11. Oi Lu, é muito triste saber que vc não curtiu tanto porque eu adoro o casal hahahaha mas concordo que o humor do Leo parece o do Colin e acho que até por isso mesmo eu adoro o personagem! Espero que vc goste mais do próximo <3

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  12. Oi Lu, tudo bom?
    VISH, se tem personagem que dá vontade de arrastar a fuça no asfalto já dou um passo pra trás em leitura. Não tô mais com paciência pra ler homem embuste. E aaaa casal que depende de ciúme e picuinha pra ficar junto, não quero mesmo!
    Não conhecia o livro, mas aproveito pra passar longe :P ASUHASUHUHSAUHASUHAS pego outros históricos mais elogiados.

    Beijos,
    Denise Flaibam.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi, Lu

    Que pena que não foi lá essas coisas. Eu adoro um cigano, então curto bastante essa pegada que a série tem.

    Beijos
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  14. Sempre que vejo esses livros mais de época lembro de você, porque sempre vejo indicações por aqui. Você deve gostar muito desse estilo :)

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  15. Lu que gostoso poder rever essa história linda da Win e o Kev através da sua resenha. Amo essa série dos Hathaways e quero muito reler e matar as saudades dessa família e desses personagens tão marcantes e fortes.
    Beijinhos

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)