Filme #86: Black Is King


Título Original: ---
Sinopse: Beyoncé apresenta BLACK IS KING, o álbum visual do disco "The Gift", inspirado em O Rei Leão, onde reimagina as lições do filme para jovens em busca de suas coroas e celebra as jornadas de famílias negras através do tempo.
Elenco: Beyoncé, Jay-Z, Blue Ivy Carter, Rumi Carter, Sir Carter, Folajomi Akinmurele, Connie Chiume, Nyaniso Ntsikelelo Dzedze, Nandi Madida, Warren Masemola, Sibusiso Mbeje, Fumi Odeje, Stephen Ojo, Mary Twala, entre outros
Duração: 85min
Roteiro: Beyoncé
Produção: Beyoncé
Direção: Beyoncé, Dikayl Rimmasch, Emmanuel Adjei, Ibra Ake, Jake Nava, Jenn Nkiru, Kwasi Fordjour, Pierre Debusschere, Samuel Bazawule


Black Is King é o audiovisual que a Beyoncé produziu do álbum The Lion King: The Gift. O álbum foi lançado ano passado, na mesmo época que o filme.

Tanto o álbum quanto o filme é espécie de releitura de O Rei Leão, trazendo para a atualidade e misturando com vários aspectos da mitologia africana. A história de Simba é intercalada com pedaços de discursos sobre a luta contra o racismo, o que casa muito bem com algumas situações que aconteceram nos últimos meses, principalmente nos EUA.

Esse filme é um deleite aos olhos. Além das músicas cantadas pela diva, os cenários, figurinos, direção.. tudo é muito bem produzido e envolvente. Pelos comentários que li, a cantora estava 100% envolvida do início ao fim da produção do filme e não fez feio.

Adorei o modo como as músicas se casava com a passagem da história de Simba, aqui um garoto negro. Claramente tiveram algumas modificações e adaptações, já que foi adaptada para os dias atuais, mas nem assim a essência da história se perde. Eu, por exemplo, amei que o grupo de hienas virou uma gangue de motoqueiros. (Não sei vocês, mas aqui onde moro eles fazem tanta zoada quanto já que essas pragas tiram o escapamento achando que estão arrasando a boca do balão)

É difícil falar desse filme porque ele é algo para ser visto e experimentado. Então caso tenha a oportunidade, não deixe escapar! Assim como Pantera Negra (o que fiquei com uma baita vontade de rever depois que esse aqui acabou), Black Is King vive e respira completamente a cultura negra.



Considerações finais:
- Gente do céu que TODOS os filhos da Beyoncé são a cara do Jay-Z. O cromossomo da parte dele é bem forte porque olha.. eu mesma ficaria boladíssima.
- Se bem que ela ainda tem esperança da Rumi, que até agora não se parece muito com ninguém
- E a Blue Ivy também, dependendo do ângulo, está começando a se parecer mais com a mãe

7 Comentários

  1. Oie, tudo bem??
    Estou doido para assistir!! fiquei com mais vontade ainda
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lu! Tudo bom?
    Eu preciso taaaaaaaaaaaanto ver esse filme KJNAOFBSAOUGA só vi umas cenas soltas no twitter e as músicas e tal, mas quero vivenciar a experiência completa. Acho que vou esperar a Disney+ chegar aqui, tho. Me senti culpada com o torrent de Hamilton, não quero isso de novo HUSAHUSAHUSAHU

    Beijos, Nizz.
    www.queriaestarlendo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá, Luiza.
    Eu não sabia sobre esse filme e já preciso assistir. Já fiquei aqui super empolgada só lendo seus comentários, imagine assistindo então hehe. Pantera Negra é o melhor filme da franquia hehe

    Prefácio

    ResponderExcluir
  4. Essa mulher não decepciona. Também adorei tudo e ainda estou apreciando essa obra prima.

    Abraço

    Imersão Literária

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu, eu só vi trechos, ainda não parei pra ver, mas quero. Beyonce é um arraso!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Oie,
    Ainda não tive oportunidade de conferir mas já estou mega ansiosa, a internet literalmente parou no dia que ele saiu haha
    Acho o trabalho dela sempre impecável!

    Beijos, Fantasma Literário

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)