Resenha #384: Defy Me - Tahereh Mafi (HarperCollins)

Share:
Título: Defy Me
Título Original: ---
Autor: Tahereh Mafi
Série: Shatter Me #5
Páginas: 352
Ano: 2019
Editora: HarperCollins
Sinopse*: Juliette Ferrars não é quem ela pensa que é.
Nada no mundo dela é o que parecia. Ela pensou que finalmente derrotou o restabelecimento. Ela pensou que finalmente assumiu o controle de sua vida, seu poder e sua dor. Mas Juliette acaba de começar a desvendar uma vida inteira de mentiras e se vê diante de uma escolha familiar:
Ser uma arma. Ou ser uma guerreira.
Desta vez, ela não está sozinha. Mais forte, mais corajosa e mais resistente do que nunca, Juliette lutará pela vida e pelo amor com seus amigos ao seu lado - mas primeiro ela precisa sobreviver à guerra travada contra sua mente:
Ela tem que lembrar quem ela era.


ATENÇÃO! Se você não leu os livros e/ou resenhas anteriores, pode conter spoiler

Defy Me é o quinto livro da ex-trilogia Estilhaça-me. Terminei esse volume sem nem saber mais onde a Tahereh quer chegar, mas com uma única certeza: como minha amiga Denise (Queria Estar Lendo) falou, tudo virou fanfic.

O livro é narrado por Kenji, Juliette e Warner. Desde Shadow Me me questiono a razão da autora não ter colocado Kenji como narrador nos outros livros. No conto, conhecemos um outro lado do personagem e creio que sua visão da história nos três livros anteriores teria sido de grande aceitação. Fora que é meu personagem favorito e ele merece muito destaque sim. São nos seus capítulos que temos algumas revelações sobre Warner, Juliette e o Restabelecimento.

Nos capítulos narrados por Warner e Juliette, temos os dois personagens tentando sobreviver e se reencontrar depois dos acontecimentos do final de Restaura-me. E é aí que tudo começa a ir meio que por água abaixo. A autora colocou um pano de fundo no passado dos dois que não me agradou muito, deixando a sensação de realmente estar lendo uma fanfic. Essas revelações tirou um pouco do encanto que foi acompanhar a história do casal desde o início.


Sobre o cenário político, eu até achei interessante as informações descobertas sobre como se iniciou o Restabelecimento. Esse detalhe de como o mundo se tornou daquele jeito sempre foi uma incógnita para os leitores e até, nesse detalhe, não foi tão mirabolante. Porém, quando ela chegou na parte sobre os planos que os Comandantes Supremos arquitetaram para a população, o feeling de fanfic voltou novamente.

Apesar de ter dado quatro estrelas (equivalente ao babadíssimo), na verdade foi mais para um 3,75 estrelas do que quatro propriamente dito. A história estava caminhando até que decente (mesmo com o clima de fanfic), porém achei que ela perdeu a oportunidade de um final uns cinco capítulos antes.

E um detalhe que esqueci de comentar nas resenhas de Restaura-me e Shadow Me. Independente da escrita da Tahereh ainda ser de fácil leitura, eu senti que perdeu um pouco do tom poético que havia nos primeiros livros. Claramente o estilo do autor pode mudar ao longo dos anos, mas esse toque era algo que agrada demais os leitores.

O (aparentemente) último livro vai ser lançado em 2020, sob o título de Imagine Me (o qual John Lennon e Ariana Grande super aprovaram). Espero que dessa vez que ela acabar a história, realmente pare por aí e não mexa mais em nada que possa fazer acabar o amor pela série.

Resenhas anteriores
Livro 1 - Estilhaça-me (Shatter Me)
Livro 1.5 - Destrua-me (Destroy Me)
Livro 2 - Liberta-me (Unravel Me)
Livro 2.5 - Fragmenta-me (Fracture Me)
Livro 3 - Incendeia-me (Ignite Me)
Livro 4 - Restaura-me (Restore Me)
Livro 4.5 - Shadow Me

9 comentários:

  1. Oi Lú. Eu só li o primeiro livro da série e o final havia me incomodado. Pretendo ler os outros, mas fico receosa, ainda mais com a mudança de tom da autora e um pouco dessa perda de sentido, por assim dizer. Assim, acho que quando ler, irei pular esses últimos três.
    Beijos.
    Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  2. ja ouvi falar mt desse autor, gostei bastante de conhecer mais um livro dessa serie

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  3. Amei sua resenha Lu, já tinha visto outras resenhas dessa serie, nas ainda não li os livros, uma pena que em algumas partes o desenrolar da história não tenha sido tão bom, diminuindo o amor e surpresa que o leitor estava tendo com a série.

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Lu

    O único que me interessa aí é o Warner e olhe lá. Quanto ao tom poético, não me recordo. Só me lembro de passar raiva com as palavras repetidas e riscadas.
    Hahahahha

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Lu, tudo bem? Eu li até "Incendeia-me" e tava super empolgada para a continuação, mas demorou tanto que deu aquela esfriada geral e agora nem lembro mais de todos os detalhes da história. O próximo livro já está na prateleira, mas ainda não me animei a ler.
    Beijos, Adri
    Espiral de Livros

    ResponderExcluir
  6. Olá, Luiza.
    Essa história para mim é uma trilogia e pronto. A impressão que eu tenho foi que a autora tentou escrever outras coisas e como não conseguiu resolver voltar a escrever uma história que já tinha terminado. Me recuso a ler esse e o outro hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  7. A great post! I love your blog < 3
    I am following you and invite you to me
    https://milentry-blog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi Lu! Eu li outra série da autora e o tom poético dela realmente me agradou, pena ela estar perdendo isso nesta obra. Enfim, as pessoas mudam. Essa série ficou enorme, receio de ficar cansativa. Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  9. Oi Lu, td bem?
    Olha, estou lendo o livro no momento e nem terminei ainda, mas tua resenha é minha resenha! rs
    Tá faltando muita coisa ainds pra convencer sobre o pq da existência desses novos 3 livros e 2 contos.
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)