Resenha #598: Kingdom Of The Wicked - Kerri Maniscalco (Jimmy Patterson)

Título: Kingdom of the Wicked
Título Original: ---
Autor: Kerri Maniscalco
Série: Kingdom of the Wicked #1
Páginas: 448
Ano: 2020
Editora: Jimmy Patterson
Sinopse*: Duas irmãs.
Um assassinato brutal.
Uma busca por vingança que irá desencadear o próprio Inferno ...
E um romance inebriante.
Emilia e sua irmã gêmea Vittoria são streghe - bruxas que vivem secretamente entre humanos, evitando ser notadas e perseguidas. Uma noite, Vittoria perde o serviço de jantar no famoso restaurante siciliano da família. Emilia logo encontra o corpo de sua amada irmã gêmea ... profanado além da crença. Devastada, Emilia sai para encontrar o assassino de sua irmã e buscar vingança a qualquer custo - mesmo que isso signifique usar magia negra que foi proibida por muito tempo.
Então Emilia conhece Wrath, um dos Príncipes Malvados do Inferno, contra os quais ela foi advertida em contos desde que era criança. Wrath afirma estar ao lado de Emilia, encarregado por seu mestre de resolver a série de assassinatos de mulheres na ilha. Mas quando se trata do Wicked, nada é o que parece...

*ARC recebida através do NetGalley em troca de uma opinião honesta*


Kingdom of the Wicked é o mais novo trabalho da Kerri Maniscalco. A autora é conhecida aqui no Brasil pela série Rastros de Sangue, lançada pela Darkside. Confesso que fiquei bastante surpresa e surtada quando meu pedido pela ARC desse livro foi aceito, já que fiquei interessada nele desde que apareceu no intercâmbio literário.

Nessa nova história vamos acompanhar Emilia di Carlo, uma jovem bruxa de 18 anos atrás de vingança pelo assassinato da sua irmã gêmea Vittoria, vítima de alguém que está matando bruxas. Em meios à sua investigação, ela acaba por invocar um dos príncipes do inferno. Wraith também está interessado em saber quem está assassinado as bruxas. E assim começa uma parceria meio inusitada e Emilia vai descobrir que há muito mais sobre sua linhagem e mitos que lhe contaram.


Com certeza o cenário da história é um ponto positivo. Kingdom of the Wicked se passa na Sicília, ali pelo final do século 18/início do 19. A autora não explora muito a fundo a cultura, mas nas descrições sobre os lugares, comidas e até algumas expressões deixa você bem imerso na ambientação. A autora também não se prende muito a descrições, o que é um ponto a seu favor também.

Apesar de um pouco impulsiva, Emilia é uma boa protagonista. Com seu desejo de vingança, ela faz a investigação dela, mas sabe quando pedir ajuda. Mesmo em meio a luto e tristeza, a jovem bruxa é um foco de determinação. Fora que seu humor e comentários ácidos são bem divertidos.

Wraith faz o típico personagem masculino sombrio e misterioso. O príncipe do inferno tem seus próprios planos, e as mortes das bruxas atrapalha até demais. As interações entre ele e Emilia são cheias de farpas e provocações, mas os dois acabam por construir uma espécie de confiança mútua. Não sei se futuramente vai rolar um romance aí, pelo menos pra mim não ficou muito claro nesse livro, mas os dois juntos é bem legal de acompanhar.

A premissa em si da história não é lá muito original, mas Kerri soube trabalhar bem junto com a mitologia que criou. Destaco como a autora soube caracterizar bem os pecados originais como Príncipes do Inferno. Os personagens secundários tem sua importância na história, principalmente Vittoria. Mesmo depois de morta, a irmã está presente na vida de Emilia. Com a narração em primeira pessoa, é bem visível o quanto a moça está sofrendo pela morte da irmã. Essa questão do luto e da tristeza também foi bem trabalhado.

Assim como Emilia, sabemos muito pouco sobre algumas questões bastante importantes visto que a única pessoa que poderia falar sobre isso é toda cheia dos segredos. Ao longo da leitura, Emilia vai descobrindo mais sobre as bruxas, profecias e os segredos que Vittoria tanto descobriu e causou sua morte.

À medida que vai chegando na reta final, eu já tive uma suposição de como poderia acabar e não errei. Não achei isso ruim, já que me deixou bastante ansiosa pela continuação. Porém o que me surpreendeu de verdade foi o assassino das bruxas, que nunca nem desconfiei.

Kingdom of the Wicked está com lançamento internacional previsto para o dia 27 de outubro.

* Sinopse traduzida por mim

2 Comentários

  1. Oi Lu,
    Eu não sou uma pessoa que gosta muito de ler sobre bruxas, não é algo que me prenda, mas como gostei do contato que tive com a autora, quero dar um voto de confiança. E se o assassino te surpreendeu, mais um ponto positivo que me faz querer ler!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Agora que tu tirou as notas eu fico meio perdida em saber se foi bom, ou muito bom hahahah e eu acho incrível que TODO personagem de fantasia cai no mesmo clichê do boy misterioso. Mas quero ler mesmo assim, vou anotar a dica!
    Beijo
    http://www.capitulotreze.com.br/

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita e volte sempre!
Deixe seu comentário/opinião; estou muito interessada e ele será respondido assim que possível.
Deixe também seu blog, se tiver, que assim possível farei uma visita :)